Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Casas onde a cocó não se importava de morar #97

É mais ou menos como morar no Palácio de Queluz, mas sem ser em Queluz. 

O Palácio de Xabregas (bonito nome, Xabregas) é um monumento com mais de cinco séculos de história, tendo sido o seu primeiro proprietário o navegador D.Tristão da Cunha. O interior foi restaurado há cerca de 10 anos e imagino que só motivos de força muito maior obriguem os proprietários a desfazerem-se deste pedaço de história e património (com azulejos dos sécs. XVII e XVIII e frescos de babar).

Eu adoraria ficar com ele, até porque tem 30 quartos (todos os amigos de todos os meus filhos podiam vir passar o fim-de-semana em simultâneo), 10 casas de banho (lá está), 3.707m2 de terreno. 

Não fico com ele porque depois tinha de comprar muito mobiliário e ia ficar aflita das mãos a montar todos os móveis Ikea. Além disso acho que ia gastar uma fortuna em aquecimento, que sou muito friorenta e aquelas salas tão grandes carecem de ares condicionados muito potentes. Acho que a D. Emília também não ia dar conta do recado sozinha, ficava furiosa e não queremos isso.

Pronto. Deixo para vocês analisarem e eventualmente seguirem com a compra. Custa 15.000.000€.

marvila1.jpeg

marvila2.jpeg

 A mesa tem a vantagem de que, quando os putos começassem a falar muito, a gente era capaz de não os ouvir

(bastava sentarmo-nos na outra ponta)

marvila3.jpeg

marvila4.jpeg

marvila5.jpeg

marvila6.jpeg

marvila7.jpeg

marvila8.jpeg

marvila9.jpeg

marvila10.jpeg

marvila11.jpeg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.